Mensagens

Você está aqui: Home | Mensagens | Amigos

Amigos

Pr. Aluizio de Moraes Filho

 ”…a alma de Jônatas se ligou (se entrelaçou) com a alma de Davi; e Jônatas o amou como a sua própria alma.” (I Sm 18:1)

Os antigos filósofos, dentre eles Aristótoles, definiam amizade dizendo que “o amigo é um outro eu”.  Conta-se que certa vez a mãe de Alexandre Magno, ao visitar seu acampamento após uma de suas vitórias, confundiu o seu filho com o amigo dele, Efestião, ao que acudiu Alexandre, mais como um discípulo de Aristótoles do que como um filho de Felipe da Macedônia, dizendo: “Não te enganaste, pois ele também é Alexandre.”

De fato, os verdadeiros amigos guardam grandes semelhanças e se confundem tamanha a proximidade dos seus seres.  Quando houve o início da famosa amizade bíblica entre Davi e Jônatas, vemos que Jônatas amou a Davi como a sua própria alma. Era como se Davi fosse Jônatas em outra forma.  Nesse texto, encontramos um princípio muito interessante sobre a constituição de uma amizade que é: a alma de Jônatas se entrelaçou a alma de Davi e, consequentemente, a alma de Davi foi entrelaçada pela alma de Jônatas.  Logo, um laça ou liga e outro é por este laçado ou ligado.  Se queremos ter amigos precisamos nos dispor a estender amizade, a envolver os outros com nossas almas e estes estarão envolvidos por nós. Quanto maior a grandeza de nossas almas maior a nossa capacidade de envolver outras pessoas.

Sejamos conquistadores de vidas, entrelaçadores de almas, isto é, colecionadores de amigos. Peço a Deus este maravilhoso dom de fazer amigos, gente com aliança e com compromisso uns com os outros. E isto através do entrelaçar de almas, almas mais que próximas, almas tão entrelaçadas que se tornam almas confundidas, podendo nos ver uns nos outros.

Os verdadeiros amigos conquistam a amizade. Davi tinha este maravilhoso dom de conquistar os corações dos homens.  Mas os falsos amigos, os que por seus próprios interesses dissimulam um pseudo amor, são como Absalão que “roubava (furtava) o coração dos homens …” (II Sm 15:6). Uma verdadeira amizade deve ser conquistada e até mesmo merecida.  Que Deus nos faça verdadeiros conquistadores dos corações dos homens!

Deixe seu comentário